CICA pede oração no dia da Paz

O Conselho de Igrejas Cristãs em Angola (CICA) pede as Igrejas membros bem como outras denominações cristãs a dedicar alguns minutos de oração na próxima Quinta-feira, 4 de Abril, data histórica que marca o Dia da Paz e Reconciliação no país.

A celebração de um culto ecuménico de agradecimento à Deus em resposta as orações sobre o fim do conflito armado que assolava a nação já não será realizada como previsto por razões organizacional e financeira.

Em vários encontros preparatórios, líderes religiosos não hesitaram de apontar a questão logística e do lugar que possa albergar milhares de fiéis tendo em conta a impossibilidade nos locais onde habitualmente tem se realizado tais eventos.

A Igreja em Angola anualmente tem dedicado o dia da Paz (04 de Abril) e da Independência (11 de Novembro), em orações a Deus por serem datas que marcam uma viragem decisiva no processo político e de desenvolvimento em Angola.

Recorde-se, foi a 4 de Abril de 2002 que o povo angolano presenciou com entusiasmo, no antigo Palácio dos Congressos, em Luanda, o abraço solidário entre filhos da mesma terra, até então separados pela guerra, numa cerimónia marcada pela assinatura do Memorando de Entendimento Complementar ao Protocolo de Lusaka (Zâmbia).

O documento, assinado pelo ex-chefe do Estado Maior General das Forças Armadas Angolanas, General Armando da Cruz Neto, e do então responsável do Alto Comando das Forças Militares da Unita, Geraldo Abreu Muendo “Kamorteiro”, mudou o curso da História da República de Angola.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *